Em Destaque

Uso de máscara é ignorado por supostamente fazer mal à saúde

Após o anuncio da circulação da nova variante da Covid-19, em Angola, O PRIMEIRO, efetuou uma ronda na cidade de Luanda, nesta Terça-feira, 9 de Março, para constatar o cumprimento das medidas de prevenção contra o Coronavírus, e pela nossa grande surpresa, os citadinos que não faziam o uso da máscara facial recomendada pelo MINSA, alegam que o uso de máscara de forma constante, pode fazer mal à saúde.

Nos estabelecimentos comerciais onde O PRIMEIRO esteve presente, os funcionários alegaram que só não usam as máscaras quando o boss não está presente:
“Aqui dentro é muito quente, todo dia com máscara pode matar e até causar outras doenças, mas quando O Boss está nós usamos mesmo.” disse uma das funcionárias do supermercado Arreiou, localizado no Morro Bento.

Já um dos funcionários do Kibabo, e que por coincidência tinha a máscara no queixo, irritou-se ao ser questionado sobre o porquê do não uso correcto da máscara.

Já a Zungueira identificada Ana Castro, vendedora de peixe, revelou que já passou mal por causa do uso sem pausa da máscara facial:
“Eu uso máscara, mas tem vezes que descanso um pouco, tipo agora, porque uma vez eu me senti muito sufocada por causa do sol de Luanda, não dá pai” Lamentou.

E assim foram quase as palavras de todos os nossos entrevistados, alguns que faziam o uso incorreto, outros simplesmente não se faziam acompanhar de uma máscara.

Angola registou a circulação da nova variante da Covid-19, numa altura em que os angolanos começam a ser vacinados.