Em DestaqueInternacional

Novo governo da Alemanha pretende legalizar a venda e o consumo de “liamba”

O sucessor de Angela Merkel, Olaf Scholz, que deve tomar posse como chanceler da Alemanha no início de Dezembro, declarou nesta quarta-feira (24), que o seu governo pretende legalizar a venda e o consumo de “liamba” naquele país, após um acordo firmado entre o seu partido, vencedor das eleições, com a oposição.

Numa reunião entre social-democratas, verdes e liberais, o novo governo alemão pretende autorizar lojas disponíveis para a venda da substância, mas somente para uma idade indicada e sob controlo rígido.

A informação foi avançada num documento que a Rádio Francesa Internacional (RFI) teve acesso, que de imediato divulgou ao público da decisão, cujo objectivo é ajudar a “controlar a qualidade, evitar a transmissão de substâncias contaminadas e garantir a protecção da juventude”.

O documento acrescenta que o “impacto social” na Alemanha a partir da nova lei passará por avaliação dentro de quatro anos.