Espaço Novelas Globo

A novela “Salva-se quem puder” está na sua recta final

Hugo faz Luna e Helena reféns em “Salve-se Quem Puder”Depois de descobrir a verdadeira identidade da Fiona/Luna (Juliana Paiva), Hugo (Leopoldo Pacheco) só pensa em livrar-se de vez da filha da Helena (Flávia Alessandra) em ‘Salve-se Quem Puder’. O empresário está disposto a tudo para não perder a mulher. Cada vez mais violento e fora de si, Hugo mostra atitudes típicas de um psicopata. Para tentar resolver dois problemas, ele pretende matar a Luna e, assim, evitar que a testemunha do assassinato do juiz Vitório (Ailton Graça) chegue até ele próprio, o chefe da quadrilha. Além disso, Hugo também quer impedir que a Helena reconstrua a família ao lado da filha e do ex, Mário (Murilo Rosa).O plano dele também inclui livrar-se de qualquer possibilidade de captura pela polícia e da acusação pelos crimes e esquemas de protecção aos políticos corruptos que há anos ele gerência com o apoio da Dominique (Guilhermina Guinle).Com a Luna sob a sua mira, Hugo consegue atrair Helena para a armadilha e assim mantém mãe e filha reféns no Empório. Diante das ameaças de morte, elas entram em desespero e são amarradas e amordaçadas para evitar que gritem por socorro. Helena ainda tenta pedir clemência ao empresário e promete repensar a relação dos dois para que o Hugo acredite que o casal ainda tem futuro. O clima de tensão toma conta do ambiente até que a Helena aproveita um momento de distracção e consegue desamarrar as suas mãos. Ela parte para cima do Hugo e tenta desarmá-lo. Os dois lutam enquanto Luna entra em desespero temer pela vida da mãe. A sequência vai ao ar na terça-feira, dia 13, “Salve-se Quem Puder” é criada e escrita por Daniel Ortiz com direcção artística de Fred Mayrink e direcção geral de Marcelo Travesso. A novela é exibida de segunda ao sábado, às 20 horas e 30 minutos após “A Vida da Gente”, no Globo HD, posição 10 da Zap. Pode aceder aos conteúdos Globo em Angola através do Globo on, posição 72 da mesma plataforma.Foto divulgação Globo