Em DestaquePolítica

Eleições de 2022 serão históricas e marcantes

Angolanos acreditam que as eleições de 2022 serão históricas porque vai acontecer algo inédito e que vai deixar todos de queixo caído, pois um dos gigante vai cair.

Quando José Eduardo dos Santos, anunciou que, João Lourenço, seria o cabeça de lista do MPLA, nas eleições de 2017, criou-se uma enorme expectativa, uma vez que, para muitos angolanos, JES já não tinha capacidade para continuar a dirigir os destinos do país, pelo que, precisava de um sangue novo.

Eleito pelo povo nas eleições presidenciais de 2017, derrotando mais uma vez, Isaías Samakuva, ex Presidente da UNITA, o então cabeça de lista do MPLA, João Manuel Gonçalves Lourenço, assumia discursos que alimentavam esperanças de melhoria aos angolanos para os próximos 5 anos.

No seu governo o PR assumiu políticas que não agradaram muitos, por considerar-se que o custo de vida em Angola aumentou e quase nada tem s e feito para ver a situação resolvida. Faltando pouco menos de 1 ano para as eleições de 2022, surge um rosto que para muitos deve ser o próximo Presidente de Angola, o actual líder da maior força política opositora país, Adalberto Costa Júnior.

Adalberto Costa Júnior foi eleito nas eleições internas do partido, para substituir Isaías Samukuva com a missão de vencer as eleições de 2022.

O surgimento deste segundo rosto, tem criado novamente certas expectativas para o pleito do próximo ano.

Para muitos angolanos, 2022 será especial e a disputa está renhida porque os jovens estão acordados e j+a sabem em quem votar. embora o MPLA ainda seja a grande força, muitos apontam que muita coisa ainda pode acontecer, e a única certeza neste momento, é que teremos muitas surpresas, afirmam.