CulturaFlashLifestyleSem Categoria

Roberto Carlos volta a emocionar os fãs no dia 23 de Dezembro

2020 está no fim e, como manda a tradição, na programação de fim de ano da TV Globo não poderiam faltar as músicas de Roberto Carlos, que este ano vêm de um lugar muito especial: a Terra Santa. ‘Roberto Carlos – Emoções em Jerusalém’, um dos shows mais emblemáticos do cantor, exibido em 2011, volta ao canal no dia 23, logo após ‘A Força do Querer’. “Tenho um carinho muito especial por este show. Fico muito feliz em poder dividir com meus fãs as emoções vividas em Jerusalém”, festeja Roberto. 


  Capturado em 3D, com direcção artística de Jayme Monjardim, essa é a primeira vez que o espectáculo é exibido na TV desde 2011, quando a produção aconteceu. O especial mescla apresentações do artista e imagens de sua peregrinação por lugares sagrados da região, como a Basílica de Santo Sepulcro, o Jardim das Oliveiras, o Sítio Arqueológico Ha’Ofel, o Muro das Lamentações e o Monastério de São Jorge.

“Quando cantei pela primeira vez na rádio Cachoeiro, aos nove anos, jamais pensei que uma coisa assim pudesse acontecer na minha vida. Fiquei sinceramente emocionado”, relembra.


  A apresentação é por conta da jornalista Glória Maria, que não esconde a alegria de poder rever esse espectáculo. “Foi um dos momentos mais emocionantes da minha vida profissional. Gravamos naquele local espetacular, com toda a cidade ao fundo, ao ar livre, e uma plateia de diferentes culturas. Foi um momento de confraternização e espiritualidade”, recorda. 


  O palco, com 40 metros de altura e 26 metros de profundidade, também faz seu show à parte. Montado no ‘Sultan’s Pool’, que significa ‘Piscina do Sultão’, próximo ao Monte Sião e junto às muralhas da Cidade Velha de Jerusalém, o cenário, assinado por May Martins, traz sete elementos arquitectônicos que representam os lugares por onde Roberto Carlos passou. 


  No repertório, estão clássicos como ‘Emoções’, ‘Como é Grande Meu Amor Por Você’, ‘Como Vai Você’, “Detalhes”, ‘É Preciso Saber Viver’, entre outros. E, além de cantar em português, Roberto Carlos também interpreta músicas em outros idiomas, como italiano, hebraico e espanhol. Na ocasião, o artista foi acompanhado de sua banda, com 17 músicos, sob a regência do maestro Eduardo Lages, e contou ainda com 12 artistas de cordas israelitas, um coral de 30 pessoas para interpretar a canção em hebraico e outro com 30 crianças para o final do show.